Tel.: (85) 3013-8372

Cirurgias Plásticas em Fortaleza, Natal e São Luís Tel.: (85) 3013-8372

SIGA E FIQUE INFORMADO

  
  
  
  • 0.jpg
  • 2.jpg
  • 3.jpg
  • 4.jpg
  • 6.jpg
  • 7.jpg
  • cv1.jpg
  • er1.jpg
  • selo.jpg

Rinoplastia Secundária

rinoplastia-secundaria-01A rinoplastia secundária é definida como uma cirurgia que visa corrigir defeitos estéticos e/ou funcionais que resultaram de uma rinoplastia prévia. A realização de uma rinoplastia secundária depende do grau de insatisfação do paciente com o resultado e principalmente se os tecidos locais permitem um conserto satisfatório. Embora seja possível corrigir a maioria dos problemas, alguns pacientes possuem condições (especialmente em relação à pele e a mucosa interna do nariz) que tornam a situação inoperável. 

Devido à complexidade da cirurgia, alguns recomendam que ela seja realizada apenas por um especialista em rinoplastia estruturada. Para identificar um especialista em rinoplastia estruturada, os seguintes fatores são importantes:

 1. Formação: procure saber em qual universidade/hospital ela foi realizada.

2. Especialização: por tratar-se de uma cirurgia complexa, investigue se o médico é especialista em rinoplastia.

3. Sociedades: o médico é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica? Caso seja um otorrinolaringologista, o mesmo também deve ser bem formado.

4. Currículo: participação em Congressos, apresentação de trabalhos sobre esta cirurgia.

5. Local da Cirurgia: Onde o médico opera? Procure médicos que operam em hospitais e/ou clínicas que ofereçam total segurança.

6. Resultados: Procure pacientes que o médico já operou e pergunte sobre o grau de satisfação com o resultado e o tratamento.

Implantes Mamários

implantes-mamarios01Nas últimas décadas, milhões de mulheres foram submetidas à inclusão de implantes mamários visando melhorar o aspecto das mamas. O procedimento adquiriu altos níveis de popularidade entre as pacientes, pois os já bons resultados de antigamente melhoraram significativamente devido à modernização dos implantes e aos refinamentos na técnica cirúrgica. Numa pesquisa recente, o índice de satisfação após esta cirurgia foi de 93%, sendo que 88% destas pacientes realizaria a cirurgia novamente. Consequentemente, esta cirurgia tem sido cada vez mais destacada pela mídia.

 A realização desta cirurgia pode melhorar a auto-estima e enaltecer aspectos relacionados à feminilidade das pacientes. Afinal, a mulher não deve sentir vergonha ao vestir um maiô, biquini ou determinados tipos de roupa. Pacientes incomodadas pelo tamanho reduzido das suas mamas, cuja perda de peso e/ou a gravidez alterou a forma e tamanho das mamas, ou aquelas portadoras de assimetrias podem ser beneficiadas por esta cirurgia. Além disso, a reconstrução mamária utilizando implantes pode ser executada com excelentes resultados.

 A consulta médica é muito importante para o sucesso desta cirurgia. Apesar de parecer um procedimento simples, existem várias escolhas a serem consideradas e princípios que devem ser obedecidos rigorosamente. Por exemplo, fatores como as características da pele, consistência da mama, localização da incisão e o aumento desejado devem ser analisados individualmente de forma cuidadosa. Em geral, a combinação entre um cirurgião experiente, a obediência aos princípios acima e a utilização da técnica correta maximiza as chances de um resultado satisfatório.

Mamoplastia redutora e amamentação - Sim! É possível amamentar!

Movidas pelo descontentamento com seu próprio corpo, muitas pessoas recorrem a procedimentos cirúrgicos definitivos como as cirurgias plásticas. O aumento do desejo de realizar uma cirurgia plástica ainda na adolescência se deve tanto à pressão estética da cultura de massa atual – a qual tem o bullying como um de seus diletos filhos – quanto ao relativo aumento da facilidade de acesso a tais procedimentos cirúrgicos, com clínicas e profissionais disponibilizando planos de parcelamento e outras comodidades financeiras que tornam mais viável a intervenção.
 
Muitas jovens, por motivos estéticos ou visando evitar problemas posturais graves, têm recorrido à redução das mamas ainda na adolescência ou início da juventude, procedimento também chamado de mamoplastia redutora. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a mamoplastia redutora visa remover o excesso de gordura, de tecido glandular e de pele, visando atingir um tamanho proporcional e aliviar o desconforto associado a seios muito grandes. Na página da instituição há, inclusive, a seguinte orientação: “é um procedimento individualizado e você deve fazê-lo para si mesma, não para satisfazer os desejos de outra pessoa ou para tentar se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal”.

O QUE É A CIRURGIA DAS PÁLPEBRAS?

Também conhecida como blefaroplastia, a cirurgia de pálpebra melhora a aparência das pálpebras superiores, das pálpebras inferiores, ou de ambas. A cirurgia proporciona aparência rejuvenescida na área ao redor dos olhos, fazendo com que o olhar pareça mais descansado e alerta.
 
CONDIÇÕES TRATÁVEIS 
• A cirurgia da pálpebra superior remove o excesso de depósito de gordura que aparece como inchaço nas pálpebras superiores,
• Pele frouxa ou flacidez que cria dobras ou incomoda o contorno natural da pálpebra superior, às vezes, prejudicando a visão, e pode ser tratada com cirurgia de pálpebra superior,
• A blefaroplastia da pálpebra inferior remove o excesso de pele e rugas finas na pálpebra inferior,
• Bolsas sob os olhos podem ser corrigidas por blefaroplastia,
• A cirurgia de pálpebra inferior pode corrigir queda das pálpebras inferiores.
 
A CIRURGIA É INDICADA PARA MIM? 
A blefaroplastia é geralmente realizada em homens e mulheres adultos que têm tecido facial e músculos saudáveis, com metas realistas sobre a cirurgia.
 

ETAPAS DA CIRURGIA DE PALPEBRAS

O que acontece durante a cirurgia?

Etapa 1 – Anestesia

Medicamentos são administrados para o seu conforto durante o procedimento cirúrgico. As opções incluem sedação intravenosa ou anestesia geral. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.

Etapa 2 – Incisão

As linhas de incisão da cirurgia de pálpebra são planejadas para deixar as cicatrizes bem escondidas dentro das estruturas naturais da região das pálpebras. A queda da pálpebra superior pode ser corrigida através de uma incisão na prega da pálpebra superior, permitindo o reposicionamento dos depósitos de gordura, a contração dos músculos e dos tecidos, e/ou a remoção do excesso de pele. A pálpebra inferior pode ser corrigida com uma incisão logo abaixo da linha inferior do cílio. Através desta incisão, o excesso de pele nas pálpebras inferiores é removido. Uma incisão transconjuntival, ocultada dentro da pálpebra inferior, é uma técnica alternativa para corrigir imperfeições da pálpebra inferior e redistribuir ou remover o excesso de gordura.

Oito dúvidas sobre plástica que você deve tirar antes da cirurgia

1) O inverno é a melhor época para a realização de uma cirurgia plástica: MENTIRA 

A cirurgia plástica pode ser realizada em qualquer época do ano. A recuperação e a cicatrização não são prejudicadas se a cirurgia for realizada no verão ou em outra estação. O que pode ser desconfortável é o uso da cinta modeladora nos casos de lipoaspirações, em um período de calor.

2) A celulite some com a lipoaspiração: MENTIRA 

Pode inclusive haver uma piora, principalmente se existir flacidez de pele associada à celulite. Por isso, antes de fazer uma lipoaspiração, tire todas as dúvidas com o seu cirurgião, e tenha certeza que ele faz parte da Associação Brasileira de Cirurgia Plástica. 

3) O fumo aumenta o risco de necroses: VERDADE 

Na cirurgia alguns vasos sempre são lesados e os restantes devem estar em perfeita ordem para manter a vascularização da pele. Como a nicotina diminui o calibre dos vasos sanguíneos, os fumantes têm um risco muito maior de problemas de cicatrização e morte de tecido (necrose). "Se a célula não recebe sangue... morre" 

Lipoaspiração e Lipoescultura

Lipoaspiracao-e-Lipoescultura-1

Uma silhueta cheia de curvas nunca sai de moda. O problema é quando você perde o compasso e o corpo violão, fica mais para violoncelo… cintura fininha, quadril super largo e, o pior, cercado de gordurinhas. O verão é o tempo de suar a camisa nas academias e lutar pelo corpo perfeito. Por mais intensa que seja a malhação, sempre persiste aquela gordurinha. Não há exercício, nem dieta que a elimine, a solução para esta amiga inconveniente é a Lipoescultura ou a Lipoaspiração.

A Lipoescultura consiste em retirar o excesso de gordura de determinada região, por meio de lipoaspiração, e injetá-la em outra parte para remodelar o corpo. O procedimento pode esconder os buraquinhos da celulite ou aumentar os glúteos. A cirurgia pode ser realizada em várias regiões do corpo, como no abdome, quadris, culote, coxas, joelhos, braços e queixo. “A Lipoescultura não deve ser feita para aumentar as mamas, pois como a região já possui nódulos gordurosos pode causar confusão no resultado de exames como mamografia”.

CÂNCER DE PELE

Remoção cirúrgica de lesões cancerígenas e demais lesões da pele utilizando técnicas especializadas para preservar sua saúde e aparência.

 CIRURGIA DE CÂNCER DE PELE 

Ouvir que se tem um diagnóstico de “câncer” é muito difícil de aceitar. Compreender que tratar o câncer de pele pode resultar em cicatrizes ou desfiguração também é muito difícil. O cirurgião plástico entende as suas preocupações e irá direcioná-lo ao tratamento correto e lhe explicará o efeito resultante em sua saúde e aparência.

 TRATAMENTO DE CÂNCER DE PELE 

• O tratamento de câncer de pele, bem como qualquer forma de câncer, pode requerer cirurgia para remover os tumores,

• O cirurgião plástico remove, cirurgicamente, lesões cancerígenas e demais lesões da pele utilizando técnicas especializadas para preservar sua saúde e sua aparência,

• Embora nenhuma cirurgia fique sem cicatrizes, o cirurgião plástico fará o possível para tratar o câncer de pele sem mudar radicalmente sua aparência,

• Para algumas pessoas, a reconstrução pode exigir mais de um procedimento para que se obtenham os melhores resultados.

O que são os preenchimentos?

A técnica de preenchimento tem sido amplamente utilizada, muitas vezes em substituição a diversas cirurgias plásticas. Dentre os preenchimentos mais comuns estão: preenchimento de lábios, queixo (mentoplastia de avanço e redução), nariz, glúteos, seios, coxas, panturrilhas e mãos

Uma importante diferença é que todos os tratamentos de preenchimento acontecem de forma minimamente invasiva, sem cortes e com um mínimo de sangramento

Blefaroplastia

Blefaroplastia-parte-03

A blefaroplastia ou cirurgia plástica das pálpebras tem como objetivo retirar o excedente de pele e bolsas de gordura em região palpebral melhorando a estética palpebral e rejuvenescendo a face. O resultado é o retorno de um olhar mais jovem sem aquele desagradável aspecto cansado.

Existe uma idade ideal para se operar das pálpebras?

A cirurgia poderá ser realizada em qualquer idade, a partir do momento em que já exista a presença do defeito a ser corrigido (excessos de pele e/ou gordura do território palpebral).

TRATAMENTO DE SUOR EXCESSIVO

A hiperidrose atinge principalmente as regiões das palmas das mãos, axilas e plantas dos pés, podendo também atingir o couro cabeludo, face, entre outras regiões do corpo. Acredita-se que a hiperidrose, na maior parte dos casos, é causada por pré-disposição genética. Pessoas que sofrem com a produção de suor em excesso podem suar até cinco vezes a mais do que o normal, e isso pode atrapalhar muito as atividades do dia a dia. A produção de suor em excesso pode também ser provocada por algum desequilíbrio dos centros que regulam a temperatura corporal ou até por estímulos emocionais. Não se pode ainda dizer com certeza um motivo para o desencadeamento da hiperidrose. O tratamento da hiperidrose, sem cirurgia, pode ser feito através da aplicação de paralisante muscular temporário. Já tem mais de um século desde o descobrimento do paralisante muscular temporário. e a utilização dele é feito desde os anos 80. Trata-se de um complexo protéico, de origem biológica. Tem grande utilização para prevenção e tratamento de rugas dinâmicas, e poucas pessoas tem o conhecimento de que ela é também muito eficaz no tratamento da hiperidrose. Não é necessária internação para a realização desse procedimento. O tratamento é possível pois as glândulas sudoríparas quando em contato com a substância chamada de acetilcolina, liberam suor. O paralisante muscular temporário. age impedindo a liberação dessa substância, promovendo assim a redução de produção do suor.

O retorno as atividades diárias pode ser feito no mesmo dia da aplicação, na maior parte dos casos. Não é um tratamento definitivo, mas podem ser feitas reaplicações.

 Fonte: Cirurgia Plástica Da Vinci

 Marque sua consulta com o Dr. Davi Pontes

Telefone: (85) 4102-4444 ou 85825399

Ginecomastia

genecomastia-02

O que é ginecomastia?

 A ginecomastia é o desenvolvimento de glândulas mamárias excessivamente grandes em homens, resultando no aumento do peito, que algumas vezes pode provocar a secreção de leite (galactorreia). Em adolescentes a ginecomastia é geralmente fonte de desconforto psicológico, porém na grande maioria de garotos a ginecomastia é decorrente de obesidade e a desenvolvimento das mamas diminui ou desaparece em alguns anos. 

 As causas da ginecomastia comum são incertas, porém ela é geralmente atribuída ao desequilíbrio de hormônios sexuais. A proeminência da mama pode resultar em hipertrofia do tecido do peito e adiposidade na região, sendo tipicamente uma combinação dos dois. A proeminência da mama causada somente pelo excesso de tecido adiposo é geralmente chamado de lipomastia.

Amamentação Após a Redução das Mamas

AMAMENTAÇÃO-APÓS-A-REDUÇÃO-DAS-MAMAS-01

Você está incomodada com o excesso de mama? Optou em realizar a cirurgia de redução das mamas?  Você já se perguntou se esse tipo de operação pode interferir na amamentação? Algumas mulheres preocupadas com a estética e também em resolver o problema de uma maneira rápida, acabam não consultando o médico corretamente e submetem a cirurgia sem saber os riscos que ela pode acarretar na hora de amamentar o bebê.

A mamoplastia redutora tem como objetivo retirar o excesso de pele e tecido mamário existente. É indicada para a redução de mamas volumosas. A mastopexia é realizada quando o objetivo é somente a suspensão das mamas ptosadas (caídas) mantendo ou aumentando (com próteses) seu tamanho.  As duas cirurgias, com técnicas bastante semelhantes, podem apresentar, em alguns casos, problemas para a amamentação posterior.

Ginecomastia (Redução das Mamas em Homens)

 genecomastia

É uma das mais comuns, dentre as cirurgias estéticas realizadas em homens. Permite corrigir o excesso de mama masculina que pode ser glandular, gordurosa ou mista.

 As perguntas mais freqüentes sobre esta cirurgia são:

 A CIRURGIA DE GINECOMASTIA DEIXA CICATRIZES?

Felizmente esta cirurgia permite-nos colocar a cicatriz bastante disfarçada (em “U”, abaixo da aréola.). Para melhor esclarecê-lo sobre a evolução cicatricial, vamos relatar os diversos períodos pelos quais as cicatrizes passarão:

 

Prótese de Mama

009

Prótese de Mama

 Prótese de Mama (prótese de silicone) ou Mamoplastia de Aumento é indicada para pacientes com mamas pequenas, assimétricas, desproporcionais em relação ao corpo, no caso de reconstituições das mamas em casos de retirada devido a um tumor pacientes que após amamentação tiveram grande redução do volume das mamas. 

Durante algum tempo muito foi dito sobre a Prótese de Mama e seus supostos malefícios. Após longos anos de estudo observou-se que esses males não existem (câncer de mama, doenças reumáticas, etc). A troca periódica das próteses de silicone são recomendadas. Devido a crescente qualidade das próteses estima-se que o tempo médio de uma troca é a cada 20 anos.

Abdominoplastia

Abominoplastia---siteIntrodução

O abdómen é uma das zonas do corpo onde com maior facilidade se acumula gordura.

A distensão muscular provocada pela gravidez, variações de peso e desordens hormonais são factores contribuintes para as deformidades pouco estéticas da parede abdominal.

abdominoplastia 1A parede abdominal é constituída por 3 camadas distintas, pele, tecido celular subcutâneo com gordura e camada muscular; qualquer destas ditas camadas pode ser causa de deformidade sendo que o tipo de tratamento varia consoante o envolvimento selectivo de cada uma delas.

Segundo características individuais de cada paciente se escolhe o tipo de abdminoplastia, condicionando a dimensão da cicatriz resultante.

Tratamento do suor excessivo com hidrolipo em Fortaleza

Suor-Excessivo

Técnica semelhante à lipoaspiração trata suor excessivo realizada em Fortaleza - Auda Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD).

1) Hiper-hidrose é sinônimo de excesso de sudorese. Pode atingir qualquer região do corpo, desde o couro cabeludo até a planta do pé;

2) Pode ser primária (sem causa definida) ou secundária (ocasionada por problema de tireoide, diabetes, medicamentos, entre outros);

3) A conversa na consulta é o principal meio de diagnóstico, pois revela as dificuldades que a pessoa tem em seu dia a dia, os constrangimentos. O próximo passo é a procura minuciosa por uma causa;

4) A lista de tratamentos clínicos conta com produtos aplicados direto na região afetada, diminuindo a transpiração; iontoforese, que é uma troca iônica realizada com aparelhos elétricos; aplicação de toxina botulínica (Botox), pouco invasiva, rápida, sem complicações importantes e com duração de aproximadamente seis meses;

Bioplastia nas Mãos, o preenchimento das mãos

Preenchimento-01

As Mãos de uma mulher são a segunda reflexão de sua alma, a sua carta mais importante de introdução para os outros e um de seus melhores aliados para complementar a sua beleza. Rejuvenescer as Mãos sem cortes e sem cirurgia. Quando nos é possível mimamos o rosto, decoramos o cabelo com novos cortes, penteados e cores. Mas não nos podemos esquecer que as nossas mãos exigem tambem cuidados e mimos especiais para poder evitar-se que elas sejam um testemunho direto na passagem dos anos.

Como é feita a cirurgia de implante capilar?

Implante de Cabelo Cirurgia Capilar Transplante Capilar

Tirando fios de cabelo de áreas onde eles não fazem falta e implantando onde eles já não existem mais. O método existe há muito tempo, mas a técnica está cada vez mais aprimorada. Os primeiros transplantes, realizados no século 19, transferiam grandes pedaços do couro cabeludo, deixando uma aparência monstruosa. De 1950 a 1980, a cirurgia evoluiu para um método que implantava tufos menores, mas ainda não o suficiente para escapar do visual cabelo de boneca.

 

er1

 

selo

 

localização

canal4

fanpage

 

medico-consulta-com-br